O que fazer em caso de sopro no coração?


Já ouviu falar de sopro no coração?

Sopro Cardíaco pode ser sinal de alerta!

Embora a maioria dos sopros cardíacos não seja grave, alguns podem resultar de um problema cardíaco. A causa mais comum de sopros anormais em crianças é quando os bebês nascem com problemas estruturais do coração (cardiopatia congênita). .


Outras causas de sopro no coração anormal incluem infecções e condições que danificam as estruturas do coração, e são mais comuns em crianças mais velhas ou adultos. Por exemplo:


  • Febre reumática

  • Endocardite

  • Calcificação da válvula - Valvopatias

  • Prolapso da válvula mitral


Fatores de risco para sopro no coração:


  • História familiar doenças cardíacas

  • Doenças durante a gravidez

  • O uso de certos medicamentos, álcool ou drogas durante a gravidez

  • Hipertensão

  • História de febre reumática

  • Radioterapia próxima do peito

  • Endocardite anterior

  • Infarto anterior

  • Hipertensão pulmonar

  • Músculo do coração fraco, que pode ser causado por uma condição conhecida como cardiomiopatia.


A maioria dos sopros cardíacos é vista durante as visitas médicas regulares. Com o estetoscópio, o médico pode ouvir cada parte do batimento cardíaco, incluindo os sons extras, ou sopros, que podem estar lá. Se houver um sopro no coração, o médico irá avaliar o tipo de som e qual sua altura. Ele também irá procurar por sinais de outros sintomas, como falta de ar, tontura, batimento cardíaco rápido ou irregular e acúmulo de líquido nas pernas ou nos pulmões.


Exames como eletrocardiograma, Rx Tórax, Ecodopplercardiograma, Cateterismo cardíaco, dentre outros podem ser necessários. .

Em caso de sopro no coração, procure seu cardiologista.


#sopro #coração #cuidedocoração #sopronocoração #cardiologistagoiania


Dra. Kécia Amorim

Médica Cardiologista

CRM GO 13874

RQE 10821


AGENDE UMA CONSULTA



3 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo
  • Facebook - Círculo Branco
  • Instagram - White Circle

Desde 2019 | Todos direitos reservados | Dra. KÉCIA CRISTINA FARIA DE OLIVEIRA AMORIM

 desenvolvido por View Network