Sinais de alerta de um Infarto!

Atualizado: 12 de Jul de 2019


O infarto do miocárdio é uma emergência médica séria em que o suprimento de sangue ao coração é obstruído de repente, geralmente por um coágulo de sangue.


A falta de sangue no coração pode danificar seriamente o músculo cardíaco e pode colocar a vida em risco.

O músculo cardíaco requer um suprimento constante de sangue rico em oxigênio para nutri-lo. As artérias coronárias fornecem ao coração esse suprimento de sangue crítico. Se você tem doença arterial coronariana, essas artérias tornam-se estreitas e o sangue não pode fluir tão bem quanto deveriam.


Alguns infartos são repentinos e intensos. Mas a maioria começa devagar, com leve dor ou desconforto.


Não espere para obter ajuda se sentir algum destes sinais de alerta de infarto.


  • Desconforto no peito. A maioria dos infartos envolve desconforto no centro do peito que dura mais do que alguns minutos - ou pode desaparecer e retornar. Pode parecer uma pressão desconfortável ou dor.

  • Desconforto em outras áreas da parte superior do corpo. Os sintomas podem incluir dor ou desconforto em um ou nos dois braços, nas costas, no pescoço, na mandíbula ou no estômago.

  • Falta de ar. Isso pode ocorrer com ou sem desconforto no peito.

  • Outros sinais. Outros sinais possíveis incluem suor frio, náusea ou tontura.


É importante ressaltar que nem todos experimentam dor intensa no peito; a dor muitas vezes pode ser leve e confundida com indigestão.


É a combinação de sintomas que é importante para determinar se uma pessoa está tendo um infarto e não a gravidade da dor no peito.


Os sintomas variam entre homens e mulheres.


Tal como acontece com os homens, o sintoma de infarto mais comum nas mulheres é a dor no peito(angina) ou desconforto. Mas as mulheres são mais propensas que os homens a experimentar alguns dos outros sintomas comuns, particularmente falta de ar, náusea / vômito e dor nas costas ou no maxilar.




Existem cinco passos principais que você pode tomar para reduzir o risco de ter um infarto:


  • parar de fumar;

  • perder peso se você estiver com sobrepeso ou obeso;

  • faça exercícios físicos regularmente - os adultos devem fazer pelo menos 150 minutos (2 horas e 30 minutos) de atividade aeróbica de intensidade moderada a cada semana, a menos que seja aconselhado de outra forma pelo médico responsável pelos seus cuidados;

  • coma uma dieta pobre em gordura e rica em fibras, incluindo grãos integrais e muitas frutas e vegetais frescos (pelo menos cinco porções por dia);

  • modere seu consumo de álcool.


Aprenda os sinais do infarto e lembre-se: mesmo que você não tenha certeza se é um infarto, faça o check-up com seu médico cardiologista.



Dra. Kécia Amorim

Médica Cardiologista

CRM GO 13874

RQE 10821

AGENDE UMA CONSULTA







20 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo