Índices de infartos e AVCs são mais comuns nas segundas-feiras


Segunda-feira é considerada o pior dia da semana para muitas pessoas. E, coincidência ou não, existem estudos que mostram que há um aumento dos índices de infarto e AVC no primeiro dia útil da semana. E é entre às 6h e o meio dia que mais ocorrem os problemas cardíacos.


Há algumas explicações para isso. Uma delas é em relação ao nosso ritmo circadiano diário. Acontece que, geralmente, nos finais de semana o relógio biológico se modifica levemente, pois as pessoas dormem mais tarde e acordam mais tarde. E isso faz com que elas tenham mais dificuldade de dormir no horário correto aos domingos. Dessa forma, quando o despertador toca na segunda-feira, além de ter dormido menos, ocorre a ruptura circadiana, o relógio biológico ainda acha que é noite. Assim, durante o dia tem mais sono e menos disposição.


Além disso, em relação aos infartos, quando as pessoas acordam “no susto”, ocorre um aumento da pressão e dos batimentos cardíacos. Diferente de quando acordamos naturalmente em que o corpo já está preparado para despertar.


Há também explicações não biológicas como o fato de algumas pessoas deixarem de ir aos hospitais nos finais de semana, adiando para segunda-feira.


O fato é que a segundona funciona como um gatilho para desencadear problemas cardíacos devido ao estresse físico e emocional provocados pelo período de transição do descanso e relaxamento do final de semana para tensão do início da semana.


* Ref: Collart, et al. Day-of-the-week variation in MI onset over a 27y period. Am J Emerg Med 2014



Cuide de você, cuide do seu coração, tenha um cardiologista de confiança.

Dra. Kécia Amorim

Médica Cardiologista

CRM GO 13874

RQE 10821


AGENDE UMA CONSULTA